Agenda

Comunicados

domingo, 30 de maio de 2021

INSCRIÇÕES ABERTAS!!!


 

quinta-feira, 20 de maio de 2021

FUZUÊ LITERÁRIO - PARATY - ONLINE

 Dia 25/05 (terça-feira), às 20h, participarei do FUZUÊ LITERÁRIO a convite da querida escritora Elisa Pereira . Fuzuê eu gosto muito! Participarão várias pessoas bacanas! Eita!
😁💖✨📚✨
Bora!! Esperaremos vocês!!

Links para assistir a transmissão:

Youtube: https://youtu.be/d5p950Xflxs

Facebook: https://www.facebook.com/550117768833449/posts/1113533605825193/ 


terça-feira, 11 de maio de 2021

ENTREVISTA COM O ILUSTRADOR CAMILO MARTINS


O ilustrador Camilo Martins Henrique da Costa, mais conhecido como CAMILO MARTINS, nasceu na cidade do Rio de Janeiro em 1993. Filho de professores de literatura, Camilo sempre gostou de desenhar, cursando inúmeras aulas de desenho desde seus 14 anos, como Desenho de Moda no SENAI/CETIQT, Desenho e Iniciação à Pintura na Escola de Artes Visuais do Parque Lage (EAV), Xilogravura também na EAV e outros. Certo que gostaria de dar continuidade ao desenho na sua vida, Camilo iniciou o curso de Bacharelado em Gravura na Escola de Belas Artes da UFRJ no primeiro semestre de 2012.

1. Camilo, fale um pouco sobre a relação de sua infância e família com a atividade de desenhar. Houve incentivo nesta fase de sua vida para o desenvolvimento do ilustrador que você é hoje?

Camilo: Sempre desenhei quando criança e isso sempre foi muito incentivado pelos meus pais. Era sempre uma alegria para eles me ouvir falando que gostaria de ser pintor, ao que eles sempre respondiam comprando materiais de desenho dos mais diversos. O desenho era minha forma de me comunicar e criar.

2. Quando e como você despertou para o fato de que seria um ilustrador profissional?

Camilo: Durante a graduação em Gravura na UFRJ ao assistir às aulas inovadoras da ilustradora Graça Lima.

3. Quando e qual foi seu primeiro livro ilustrado?

Camilo: Bandele em 2017. 

4. Como é seu processo criativo?

Camilo: Meu processo criativo é sempre muito caótico, não tem muito um método nem ritual, eu sempre testo de tudo, vários materiais e cores ao mesmo tempo e a história vai surgindo e dizendo para mim como ela quer se adequar ao livro.  

5. Quando e como conheceu a escritora Cintia Barreto? 

Camilo: Conheci Cintia quando criança por ser amiga de longa data da minha mãe o que mais tarde se tornou para mim uma amizade também profissional, quando fizemos juntos Mar em Mim (2019) e Lia Lia (2020). 



6. Como foi o processo criativo das ilustrações do livro Lia lia? 

Camilo: Criar Lia foi uma pesquisa pela minha infância, a infância da Cintia e pelo prazer de toda criança ao criar imagens e se aventurar por histórias. Procurei fazer as ilustrações digitalmente, mas acrescentando elementos de texturas e colagens analógicas para que desse conta de toda pluralidade que Lia nos traz. Lia é uma aventura pelos livros e não poderia ser diferente nas ilustrações em que ela é representada, tive que usar todas as cores possíveis para dar conta das dimensões que uma criança cria quando ela lê um livro.

7. Esta foi sua primeira parceria com a escritora Cintia Barreto? Quais livros vocês têm juntos? Os leitores podem esperar mais parcerias com a escritora?

Camilo: Temos até a presente data dois livros juntos: Mar em Mim e Lia lia, e se depender de nós, teremos muitos outros por vir.  

8. Qual é a importância da ilustração em um livro para crianças para você?

Camilo: A ilustração nos livros é fundamental, seja ela para crianças ou adultos. Ver imagens é criar imagens, é se projetar no mundo e construir possibilidades de um mundo melhor. Ver e desenhar são as primeiras ações que a criança pratica no mundo e não tem nada mais sagrado que preservar e estimular a experiência visual.


Entrevista à escritora e professora Cintia Barreto em 11/05/2021. 


Mais contatos:

e-mail: professora@cintiabarreto.com.br

telefone: (21) 989856232

Cintia Barreto